Quadrinistas brasileiras pra seguir no Instagram

As mulheres estão conquistando cada vez mais espaços antes ocupados majoritariamente por homens. Essa realidade é percebida, por exemplo, na crescente onda de garotas quadrinistas que passam derrubando qualquer barreira que ainda venha a existir no mercado brasileiro. Por isso, e em comemoração ao Dia do Quadrinho Nacional, listamos aqui quatro contas no Instagram de brasileiras quadrinistas para você acompanhar – aliás, a rede social tem se mostrado uma ferramenta muito útil para a divulgação arte no geral.

Helô D’Angelo

Helô D’Angelo é jornalista, quadrinista, feminista e ilustradora. Com seus quadrinhos ela demonstra que tudo é política, sim.

Lovelove6

Gabriela Masson ou Lovelove6 é quadrinista e ilustradora. Em seus quadrinhos ela aborda temas como sexualidade e o movimento feminista.

Thaís Soares

Thaís Soares é quadrinista, ou como a mesma descreve-se no seu perfil “Pseudo artista e aspirante a escritora”, suas tirinhas trazem situações cotidianas – outras nem tanto – carregadas de bom humor.

Laura Athayde 

É quadrinista e ilustradora. Em seus quadrinhos aborda temas como feminismo, relacionamentos abusivos, questões raciais e de gênero.

View this post on Instagram

Isso de me olhar no espelho e estar plenamente satisfeita com o que vejo só veio, pra mim, bem depois dos vinte anos. Às vezes, eu saio de casa e esqueço de pentear o cabelo. Depilação é de quando em nunca e a maquiagem finalmente se tornou algo divertido de fazer quando tô a fim, em vez de uma obrigação diária. Sinto carinho pelo corpo que me leva aonde quero ir e me proporciona tantas sensações deliciosas (e também ocasionais dores nas costas e alergias esquisitas). Não sinto mais raiva dele por não se adequar a expectativas alheias. E tento não me assustar tanto com as mudanças que o tempo vai trazendo. . #hq #quadrinhos #tirinha #ilustração #amorproprio #autoestima #feminismo #empoderamentofeminino #ameseucorpo #tourpelomeucorpo

A post shared by Laura Athayde (@ltdathayde) on

BÔNUS

Pra quem quiser conhecer mais minas que produzem quadrinhos indicamos o perfil da Mina de HQ. Lá tem quadrinhos feitos por mulheres, pessoas trans e não binárias.

Anúncios